Mais cão do que bovino: de PDT à [Desejo de] Catirina!

Por Nárnia!

Quando o cretino colunista diz que o mundo bovino, porém cão é mais cão do que bovino não é pura e simples metáfora. O cão ladra e os “bois” passam. Se morde não sabemos, mas que é mordido: isso é!

 

20180106_220819

DVD BLUE

O Boi Caprichoso, no sábado (20) em reunião no Clube do Trabalhador – SESI, anunciou a gravação do DVD 2018 no Teatro Amazonas e a equipe de produção.

CD RED

O Boi Garantido anunciou neste fim de semana o início da produção do CD “Auto da Resistência Cultural” com uma grande novidade: 21 toadas no repertório da Baixa. Vale ressaltar que o mesmo “fechou” em 20 faixas.

 

20180106_220245

PRESIS

O rebuceteio tribal que abateu o mundo bovino esta semana foi a notícia de que o presis blue, Babá Tupinambá, seria candidato a deputado estadual pelo PDT e de que presidiria a sigla em Parintins.

OUT

Depois de muito disse-me-disse, especulações das mais diversas e controvérsias o presis blue declinou do convite do PDT e decidiu priorizar o Boi Caprichoso.

 

20180106_220150

– Ó grande espírito vem falar comigo!

– Ó curumim alesado eis-me aqui: escultalo-ei-o.

– Credo deu linha cruzada: ficaste temeroso?

– Mal criado. O que queres de mim?

– Luminescência.

– Prossiga.

– O cão que mostra os caninos com o rabo entre as patas é perigoso?

– Sim.

– Para quem?

– Para ele, mesmo.

– Não entendi.

– Normal. Vou explicar: ele (o cão) mostra os dentes para os desconhecidos; abana o rabo para quem reconhece; cheira e brinca com os de casa, mas só o dono passa a mão na sua cabeça e lhe dar ordens!

– Off Line.

20180106_220951

Definitivamente, este dito popular é mais do que certo: “O jogo só acaba quando termina”. Acabou? Será mesmo?

20180106_220059

* Não só Manaus será palco da gravação do DVD 2018 do Boi Caprichoso. Além da capital: Novo Airão, Presidente Figueiredo, Nhamundá e Santarém/ Alter do Chão e, é claro, Parintins.

* A data inicial dos trabalhos de gravação do DVD blue está prevista para o dia 03 de março no Teatro Amazonas e finalizará no Curral Zeca Zibelão no dia 21 de abril.

* O CD red começou a ser produzido e com ele algumas novidades. Sem dúvida nenhuma, a maior de todas é a 21° toada inserida no mesmo: “Desejo de Catirina”.

* A quinta obra no rubro CD assinada pelos “Baiás” (Enéas Dias, Marcos Moura e João Kennedy).

FB_IMG_1516154301161

* “Desejo de Catirina” é o primeiro ato do Auto do Boi. Obra composta com retalhos de diversos ditos da cultura popular baseada no princípio da festa: o desejo (pedido obrigado) de Catirina em comer a língua do boi mais bonito da Fazenda e mais querido de seu Amo.

* Se desfaz uma das grandes injustiças do processo seletivo de 23 de dezembro último quando a obra ficou de fora do repertório 2018. E, sabiamente, fora [resgatada] inclusa por decisão do rubro presis Fábio Cardoso.

* Na rubra Comissão de Arte há quem acredite que o “Auto do Boi” deve ser extinto, ou seja, retirado da apresentação o quanto antes. Motivo: perde-se muito tempo para com o mesmo.

* O defensor desta “jenial”  [não… a grafia não está errada e, sim, está proposital] tese/ideia é o rubro comissário de arte Fred Góes.

IMG_20180105_115020_792

* Tese que vai na contramão dos resultados. No “Auto do Boi”, o Garantido potencializa, no mínimo, diretamente, três itens: Amo do Boi, Sinhazinha da Fazenda e Boi-Bumbá Evolução. Dentre outros, indiretamente.

* Tanto é que obrigou o Boi Caprichoso a entrar no mesmo game e encenar (retornar) o seu “Auto do Boi” em 2017. E este ano, a selecionar uma toada tema para este momento da apresentação.

* Dois fatores ajudam a explicar  o “desprejo/desânimo” de Fred Góes com o “Auto do Boi”. O primeiro é que ele é uma herança do jornalista e compositor Mencius Melo, quando de sua passagem pela Comissão de Arte, em 2015.

* Mencius não criou o “Auto”, mas, ao dar voz em forma de texto em verso e prosa para a personagem do Pai Francisco, o ex – comissário reinseriu, à brincadeira, a origem do Boi – Bumbá. E o que vem de Mencius, Fred não aprova. Vide o que fora feito por ele com a toada “Serenou Laranjeira”, do referido compositor, em 2017.

IMG_20180116_221622_838

* O segundo fator é puramente estético e econômico. Ao propor uma apresentação cênica e teatral com o “Auto do Boi”, Mencius provou que o gasto com alegorias, para realizar a “Celebração Folclórica”, é perfeitamente dispensável. O “Auto do Boi”, bem ensaiando e com o acompanhamento de todo o corpo cênico, produz o mesmo efeito da celebração.

* Com uma grande diferença: custa muitíssimo menos. Mas, tocar no projeto artístico é caro, diga – se de passagem, do Garantido de arena, é o mesmo que dar um tapa na cara de alegoristas e gênios.

* Brilho de Fogo, o que faz morada na Armando Prado, batendo asas pelos corredores da Cidade Garantido cantou ao cretino colunista que ouviu o coordenador da rubra Comissão de Arte, Edwan Oliveira contestar a ideia de Fred: ” Não Fred. Tá ficando louco? O Caprichoso tem uma toada inteira dedicada ao “Auto do Boi” e nós vamos deixá-lo surfando sozinho sem fazer [nada]? Não mesmo!”.

* Claro que a entrada de “Desejo de Catirina” no rubro CD causou rebuceteio, ainda mais entre os compositores. Razão: por ser a quinta obra dos “Baías” no repertório da Baixa do São José.

IMG_20180116_221550_045

* Esse rebuceteio, resultado da ciumeira de muitos e da incompetência de outros, ganha força nos defensores que o CD oficial seja montado na base de quantidade por compositor e não pela qualidade das obras.

* Em outras palavras: compositor “x” tantas obras, somente, para sobrar para os demais. Se passar de “x”, meu Deus é a terceira guerra bovina dos egos feridos.

* Só para lembrar: nos anos 90, por exemplo, Ronaldo Barbosa chegou a emplacar mais de oito toadas em um único CD, sendo muitas dessas. clássicos até hoje. Em 2010, Adriano Aguiar também emplacou oito obras e foi o ano maravilhoso.

* Os insatisfeitos/enciumados pelo sucesso alheio devem fazer, primeiramente, a lição de casa: escrever obras mais originais, fugir do óbvio e distanciar-se do clichê e do comum. E por fim, repensar suas obras.

IMG_20180116_221516_738

* Não dar para reclamar tendo um  balaio de obras fundas. É preciso ter a autocrítica ao invés de cara de pau. É mais fácil transferir a “culpa” do (s) seu (s) fracasso (s) refletido (s) no (s) sucesso (s) do (s) outro (s) do que vê nos mesmos a solução para tal.

* Não é que o cretino colunista esteja dizendo que devam copiar/plagiar um aos outros e outros a si mesmo por toda a eternidade. Não, não é isso. E, sim, que devam ser fortes entre os fortes, compor toada “Duka” em meio às toadas “Dukas”.

* Outra novidade do rubro CD são os backs: o time de canários da Baixa ganha o reforço de Julieta Câmara. Ficando assim: Roci, Jorjão, Jesiel e Julieta.

IMG_20180116_221433_578

* Esta semana o Boi Caprichoso realizou o pagamento de uma boa parte das pendências de 2017. A grande maioria dos setores do Bumbá receberam seus pagamentos (em 50% dos débitos).

* Esta ação só foi possível pelo empenho do presis blue Babá Tupinambá e do vice-presis Jender Lobato com a ajuda indispensável do presidente do Conselho Fiscal, Saullo Vianna.

IMG_20180116_221728_937

* Saullo Vianna foi o responsável pela reunião entre empresários torcedores do Caprichoso que viabilizaram o montante (recursos) necessários para efetuar o pagamento de parte da folha de 2017. Parabéns!

* A Amazon Best lançou na última quarta-feira  (17), na sede da empresa, a campanha: “Patintins, palco do mundo”. Estiveram presentes dirigentes bovinos, representantes do Bradesco, itens oficiais e a imprensa em geral.

IMG-20180114-WA0008

* Valdo Garcia, proprietário da empresa, confirmou a realização do “Planeta Boi” e das ações conjuntas com os Movimento Marujada e Amigos do Garantido.

* Além disso, revelou que a Amazon Best negociará com as companhias aéreas para fechar pacotes com valores (voos) mais acessíveis e o menor possível. Amém!

FB_IMG_151595717889720180114_151606

É só…

Por hoje!

Até a próxima…

#SouVitima!