Caprichoso vence e convence no Festival de Parintins

Por Nárnia!

O mundo bovino, porém cão mais cão do que bovino dividido entre azul e vermelho viveu o seu ápice neste último final de semana com as apresentações na arena do Bumbódromo consagrando o Boi da Estrela como o grande campeão de 2017: venceu e convenceu.

 

26151715599599

É CAMPEÃO!

O Boi da Francesa e do Palmares venceu o 52° Festival Folclórico de Parintins com uma diferença de 2,3 pontos derrotando o Boi Garantido nas três noites.

TEMÁTICA

Com ” A Poética do Imaginário Caboclo” o Boi Caprichoso convenceu a todos os telespectadores e conquistou os jurados com uma linguagem cabocla e ousada que uniu o tradicional e o novo.

 

papo-reto_560043a706ec8

DE BAIXA

O Boi do Povão fez grandes apresentações, porém foi infeliz no desempenho do seu “poderoso” Bloco B. Deste, apenas a sinhá red Didja Cardoso obteve êxito semelhante ao de 2016.

DE BAIXA II

O item que rendeu as piores notas em seu item, não ganhando nenhum 10, foi o de Porta-estandarte defendido por três moças diferentes. Amo do Boi foi o item de maior diferença individual: 0,6 décimos.

 

images

– Curumim alesado.

– Oi, meu velho.

– O que aconteceu com o Bloco B do garrote?

– Foi emprenhado.

– E humilhado!

– Off Line.

fbb4888b-c8ba-4248-bc12-ffa3d51c13fd

Que o festival deste ano sirva de alerta e de recado para as gananciosas forças que orbitam Caprichoso e Garantido. O festival antes “aéreo” retornou às origens, ou seja, foi fluvial. Os altos valores de passagens aéreas e hospedagem são pontos a serem revistos o quanto antes. Graças a Deus, este ano foi o melhor festival dos últimos cinco anos. Presta atenção, hein!

Banner_rapidinha(2)

* O rebuceteio tribal causado pela saída de Daniela Tapajós do item de P.E pode ser apontado como o do século. #NãoOrnou.

* Em três noites, três defensoras, nenhum 10 e muita vergonha alheia. #AhEstandarteReimoso.

* Quem surpreendeu na apuração com suas notas obtidas foi o Amo do Boi Caprichoso, Prince do Boi. Foram 0,6 décimos em cima de Tony Medeiros. #MaiorDiferencaIndividual.

* Talvez, o que explique esta diferença seja o modo agressivo com que o Amo red versou durante as três noites do Festival. #HouveQuemGostasse.

* O presis blue da união babalesca, Babá Tupinambá, foi um dos grandes vitoriosos, não foi o único, com a vitória do Boi Caprichoso. O mandatário quebrou um tabu que durou 14 anos no Caprichoso: o de vencer no primeiro ano de mandato. #EntrouPraHistoriaBovina.

* Antes dele, só os presis Ray Viana em 94 e César Oliveira (falecido nesta semana) em 2003. #SeletoGrupo.

* Outro grande vencedor foi o Coordenador do Conselho de Artes Erick Nakamone. Com a sombra maligna e nefasta do Farol de Alexandria misurando seu trabalho, a vitória o consolida onde está. #SaiPraLaVelhaFantasmaDoMal.

* O jovem artista, agora mestre em arte, por vários momentos sentiu todo o peso do Boi em seus ombros e viu-se sozinho para enfrentar os desafios e problemas da temporada. #PorCimaDaCarneSeca.

* Com a vitória, Nakamone cai, ainda mais, nas graças da Nação Azul e Branca e ganha força internamente. Tudo indica que haverá mudanças imediatas no Conselho de Artes. #123eJá.

* Ditas como certas, são as saídas de Chico Cardoso do Conselho de Artes e as de Helerson Maia e Paulo Rojas do quadro de figurinista do Boi. #DizemAsBoasLinguas.

* Também certas são a inclusão de Edvander Batista no Conselho de Artes e a chegada de outros membros para reforçar o time artístico e criativo. #BancaAberta.

* O festival foi lindo, porém não foi só de beleza que ele viveu. Nos bastidores das apresentações muitos barracos e brigas que se estenderam pelos camarotes Vips do Bumbódromo. #SeteSaiasSolta.

* Na arena, o desentendimento de Erick Nakamone e Chico Cardoso na primeira noite. No camarim dos itens, Helerson Maia perdeu o controle com a cunhã blue, Marcielle Albuquerque. #GritariaEConfusao.

* O rebuceteio envolvendo o figurinista deu-se porque trinta minutos antes da apresentação do Boi a indumentária da cunhã, assinada pelo artista, não estava no camarim dos itens. A Coordenadora dos Itens foi até o atelier do artista e o chamou de incompetente no calor do acontecimento. #TretaTribal.

* Já no camarim,  a cunhã blue pediu que fossem cortadas algumas partes da indumentária as quais estariam lhe incomodando para a cólera do figurinista que bateu boca com o item. Marcielle foi protegida por outros artistas presentes no local, temerosos com a reação destemperada do figurinista. #FoiPunk.

* Nos camarotes, os bacanas desceram do salto e bateram boca qual lavadeiras. O público “ralé” se divertiu com a humanidade dos afortunados exposta como figura típica regional: os ricos também brigam. #Espetaculo.

* Falando em figurinistas, alguns foram os grandes destaques deste festival. Pelo lado do Caprichoso, dois deram a volta por cima: Makoy Cardoso e Tarcísio Gonzaga. Makoy assinou três lindos figurinos de item (P.E / Cunhã – 2° Noite e Pajé – 3° Noite) e Tarcísio assinou o figurino do Festival  (Sinhá da 3° Noite). #CastanhasMuitasCastanhas.

* Elfraney Souza e Rafael Barbosa, também do Boi Caprichoso, foram destaques em seus figurinos. Elfraney assinou os figurinos do Pajé da 2° Noite (das tribos) e do Amo da 3° Noite e Rafael o de P.E da 3° noite. #Lindíssimos.

* Pelo lado do Garantido, Tieta com os vestidos da sinhá red; Roberto Reis pela ousadia no figurino da cunhã na 2° Noite; Rogério Gonçalves com os três figurinos de rainha; Diego Pizanno com o figurino de P.E da 3° noite e Edwan Oliveira com os figurinos de Apresentador e Levantador das três noites. #DestaquesDoFestival.

* As mudanças sugeridas pela Comissão Julgadora causaram opiniões bastantes díspares. Particularmente, o cretino colunista acha algumas viáveis e outras uma viagem ao mundo dos espíritos. #PodeSer.

* Como por exemplo, a distribuição do caderno de apresentação  (completo); a defesa obrigatória do tema e a disponibilização das letras das toadas das apresentações. #APensar.

* A vitória do Boi Caprichoso deixou o Farol de Alexandria ainda mais distante do núcleo pensante e de poder do Boi da Francesa e do Palmares, e com ele outros ilustres nomes. #NãoFizeramAMenorFalta.

* No próximo sábado (08), acontece a festa da vitória do Boi Caprichoso em Manaus, provavelmente no SESI – Clube do Trabalhador. Em Parintins, a festa no Zeca Xibelão foi marcada por muita alegria. #TudoLindoLindoLindo.

* Frases do Festival:

” O Caprichoso feito por quem gosta e por quem é Caprichoso” (Erixk Nakanome);

“Quem faltou não fez falta”. (

Artista Blue).

É só…

Por hoje!

Até a próxima…

#SouVítima!!!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: